Pepe Vargas vota favorável aos espaços de acolhimento às mulheres vítimas de violência doméstica

O deputado estadual Pepe Vargas (PT) votou favorável ao PL 95/2020 sobre a obrigatoriedade de disponibilização por parte do Estado de espaços de acolhimento e abrigamento emergencial às mulheres e seus dependentes vítimas de violência doméstica e familiar, durante o período do isolamento social em função da pandemia da Covid-19. "Precisamos combater essa chaga que é a violência doméstica", afirmou.

Pepe parabenizou o autor da proposta, o deputado Jeferson Fernandes (PT), e ressaltou a importância da matéria, devido ao aumento considerável de vítimas de violência durante a pandemia. O parlamentar destacou ainda a aprovação pelo plenário, na semana passada, do projeto de criação da política de regulamentação de casas de abrigo para mulheres vítimas de violência no Estado, de autoria do deputado Gaúcho da Geral (PSD). "O projeto do deputado Jeferson em nada se contrapõe ao deputado Gaúcho da Geral, o qual parabenizo também", destacou. Ele explicou que a constituição de uma política estadual de casas de apoio deve levar algum tempo, e o projeto do deputado Jeferson vem atender uma situação emergencial. "É fato que uma política estadual não vai acontecer da noite para o dia e temos agora uma situação emergencial devido a pandemia", disse.

O deputado Pepe Vargas lembrou que quando foi prefeito de Caxias do Sul, criou a casa de apoio às mulheres vítimas de violência Viva Raquel, em 1999, e que existe até os dias de hoje. "Precisamos aperfeiçoar essa política a cada dia que passa e neste sentido nós queremos nos manifestar a favor e parabenizar a iniciativa", concluiu.